Trem de Luxo Rovos Rail - Southern Cross: Pretória à Victoria Falls

12 dias / 11 noites

Viaje pelas montanhas Drakensberg para se juntar à Panorama Route com observação de safári no Kruger. Visite Maputo, capital de Moçambique, antes de explorar o reino montanhoso de eSwatini. Desfrute de um safári no Kapama e uma visita ao Monumento do Grande Zimbábue. Tour no Antelope Park e Parque Nacional de Matobo. Continue até Hwange para fazer um safári antes de chegar a Victoria Falls para um passeio a pé pela vila e pelas estrondosas cataratas. Termine com um cruzeiro ao pôr do sol no poderoso rio Zambeze.

África do Sul - Zimbábue

Pretória - Cataratas Vitória

Não inclui passagem aérea

Hospedagem com pensão completa

De 18 de Janeiro à 14 de Novembro de 2024

  • Acomodação em cabine privada a bordo do Trem;
  • Todas as refeições; todas as bebidas a bordo; serviço de quarto; lavanderia limitada;
  • Passeios com guia qualificado conforme roteiro;
  • Visita das cidades de Durban;
  • Safáris nas Reservas Kapama e Hwange;
  • Safari no Parque Nacional Kruger e na Reserva Addo;
  • Visita de Mantenga Cultural Village e Grande Monumento de Zimbábue;
  • Visita do Antílope Park, Matobo National Park e Cataratas Vitória;
  • Taxas de entrada de acordo com o itinerário.

1º DIA: PRETÓRIA

Faça o check-in no mínimo uma hora antes da partida. Se desejar visitar o nosso museu ou fazer uma visita guiada na Estação Ferroviária de Rovos Rail, sugerimos chegar duas horas antes da partida.

10h00 - Partida da Estação Ferroviária de Rovos Rail, em Pretória. Os hóspedes podem se refrescar em suas suítes antes de se juntar a outros viajantes nos vagões lounge. O trem viaja na linha leste em direção à dura área de mineração de carvão de eMalahleni e Middelburg, conhecida como a “capital do aço inoxidável da África”. A construtora ferroviária holandesa, NZASM, construiu
a linha oriental entre Pretória e Lourenço Marques (Maputo) de 1893 a 1895.
13h00 - O almoço será servido nos vagões-restaurante.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão de observação.
19h30 - Jantar servido no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

Certifique-se de que o gerente do trem ou o responsável pela administração estejam de posse do seu passaporte. O documento será devolvido para você antes do final da viagem.

2º DIA: ROTA PANORÂMA

07h00 - O café da manhã será servido nos vagões-restaurante.
09h00 - Excursão de dia inteiro pelas áreas históricas Pilgrim's Rest, Bourke's Luck Potholes e Graskop com almoço. O Graskop, elevador de observação (a pagar no local) desce 51m pela face do desfiladeiro até a floresta abaixo, onde passarelas de madeira e pontes suspensas serpenteiam ao longo de uma trilha de 600 m pela floresta indígena com uma exposição interativa.
18h45 - Regresso ao trem em Mbombela (140km). Partida para Malelane.
19h30 - O jantar será servido no vagão restaurante a bordo do trem. Vestimenta: formal.

Pilgrim's Rest é um museu vivo e declarado Monumento Nacional. O ouro foi descoberto nesta área em 1873 atraindo 1500 garimpeiros. Hoje, muitas das casas restauradas dos mineiros servem como lojas e restaurantes. Os Luck Potholes de Bourke são estranhas cavidades cilíndricas profundas formadas pela erosão do rio e enchentes. Rio Blyde Canyon Nature Reserve tem os pontos de vista mais espetaculares com vista para Lowveld da África do Sul, assim chamado porque é muito mais baixo do que a alta escarpa ao longo da qual corre a Rota do Panorama.

3º DIA: KRUGER NATIONAL PARK

05h00 - O café da manhã será servido nos vagões-restaurante.
07h00 - Safari no Parque Nacional Kruger com almoço.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão lounge e no vagão observatório. Partida para Maputo, Moçambique. Formalidades de fronteira.
19h30 - Jantar a bordo servido no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

O famoso Kruger Park (2 milhões de hectares) é líder mundial em técnicas avançadas de gestão ambiental e lar de um número impressionante de espécies, por ex. 336 espécies de árvores, 49 espécies de peixes, 34 espécies de anfíbios, 114 espécies de répteis, 507 espécies de aves e 147 espécies de mamíferos, incluindo os Big Five (leopardo, leão, elefante, búfalo e rinoceronte).

4º DIA: MAPUTO (MOÇAMBIQUE)

07h00 - Café da manhã será servido no vagão restaurante.
09h00 - City tour de Maputo, Moçambique, com almoço.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão de observação. Viagem em direção à Mpaka, eSwatini. Formalidades de fronteira.
19h30 - Jantar servido no vagão restaurante e pernoite. Vestimenta: formal.

Capital de Moçambique, Maputo é uma cidade de contrastes que oferece uma excitante mistura de culturas. Sua arquitetura é uma mistura de tradições africanas, portuguesas e do início do período colonial com antigas igrejas católicas lado a lado com mesquitas, fortalezas, mansões vitorianas e outros edifícios de uma época passada.

5º DIA: ESWATINI

07h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
08h30 - Desembarque em Mpaka. Traslado (±90 min) para Swazi Candles e visita à Mantenga Cultural Village com almoço em Pousada Mantenga.
13h45 - Retorno ao trem (±75 min). Partida para Hoedspruit. Formalidades de fronteira.
16h30 - Chá da tarde no vagão de observação.
19h30 - Jantar servido no vagão restaurante. Vestimenta: Formal.

O minúsculo Reino de eSwatini (Suazilândia) cobre apenas 17 000 km2, a maioria dos quais montanhosos. Para tal pequeno país, é surpreendente que sustente duas capitais: Mbabane é a capital administrativa e Lobamba é a capital real e legislativa. Em abril de 2018, a Suazilândia mudou seu nome para Reino da eSwatini (que significa “lugar do Swazi”) e é uma monarquia absoluta. É sem litoral e faz fronteira com a África do Sul e Moçambique. Continue pelo Vale Ezulwini até Swazi Candles, onde os hóspedes são convidados a interagir com os artesãos enquanto eles fazem uma variedade de velas. Esculturas em madeira, tecidos coloridos e cestaria soberba estarão também em exibição. Mantenga Cultural Village, um museu vivo de antigas tradições representando um Swazi clássico estilo de vida durante o século XIX. Com os artefatos tradicionais expostos, a aldeia ilustra muitas facetas do antigo estilo de vida Swazi: social, econômico e religioso. Mantenga Lodge está situado nas montanhas com vista para 'Execution Rock'.

6º DIA: KAPAMA RESERVE & CENTRO DE ESPÉCIES AMEAÇADAS DE HOEDSPRUIT

05h00 - Café da manhã continental servido no vagão restaurante até as 05h30.
05h30 - Safari no Kapama Game Reserve seguido de visita ao Centro de Espécies Ameaçadas de Hoedspruit.
12h00 - Retorno ao trem para almoço. Partida para Tzaneen e Louis Trichardt.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão de observação.
19h30 - Jantar e pernoite. Vestimenta: formal.

Situado na província de Limpopo, no extremo norte da África do Sul, conhecida por sua vida selvagem prolífica e diversificada, o Kapama Private Game Reserve é o lar de mais de 40 espécies diferentes de mamíferos, incluindo os Big Five, aproximadamente 350 espécies de aves e uma miríade de espécies menores. O Hoedspruit Endangered Species Center é uma instalação única da vida selvagem africana com foco na conservação e sustentabilidade de espécies raras, vulneráveis e ameaçadas. Fundado por paixão, o centro adotou uma abordagem holística para suas atividades de conservação, como a educação das comunidades vizinhas, turismo, criação, reabilitação e combate à caça furtiva, para citar alguns.

7º DIA: LIMPOPO

07h00 - O café da manhã será servido nos vagões-restaurante até às 10:00h. Dia a bordo em viagem rumo à Rutenga em Zimbábue.
13h00 - O almoço será servido nos vagões-restaurante.
16h30 - Chá da tarde no vagão lounge e vagão de observação na frente do trem.
19h30 - O jantar é servido nos vagões-restaurante. Vestimenta: Formal.

A província de Limpopo está localizada no extremo norte da África do Sul e faz fronteira com três países vizinhos: Botswana, Zimbabwe e Moçambique. Por esta razão, a província também é conhecida como a porta de entrada para outros países africanos e também compartilha fronteiras provinciais com Gauteng, Mpumalanga e Northwest. A paisagem de Limpopo varia de uma área para outra, desde florestas tropicais, mato e arbustos até semi-deserto com pequenas árvores e arbustos e montanhas para terrenos planos. Limpopo está dividido em cinco regiões, estrategicamente localizado de acordo com os habitantes culturais. Capricórnio é a região central predominantemente ocupada pelo Povo Bapedi. Waterberg é a maior região com a maioria do povo Tswana. Vhembe no extremo norte é dominado por Vhavenda e Vatsonga. A região de Mopani perto do Parque Kruger é Vatsonga enquanto a região de Sekhukhuni é dominada por Bapedi e Ndebele. Limpopo é a única província da África do Sul com mais do que dois grupos culturais permanecendo juntos em seu habitat original em harmonia. Outros grupos étnicos incluem ingleses e africâneres.

8º DIA: GRANDE MONUMENTO DE ZIMBÁBUE

06h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
08h00 - Transfer ao Grande Monumento de Zimbábue para um passeio com almoço.
17h00 - Embarque de volta ao trem em Oreti Siding. Partida para Gweru.
19h30 - Jantar no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

Viaje pela atraente região montanhosa de granito até o Monumento do Grande Zimbábue, um monumento extremamente impressionante situado na borda sudeste do planalto central e o maior monumento pré-colonial ao sul das Pirâmides egípcias. Uma conquista célebre do povo africano e um lugar onde as fábulas mágicas como a história das Minas do Rei Salomão encontra suas origens entre as ruínas de uma antiga cidade construída pelos Rozwi. Descubra como esses povos antigos viviam e extraíam ouro e prata, que acabaram sendo retirados da África por comerciantes árabes e portugueses.

9º DIA: PARQUE ANTÍLOPE

06h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
08h00 - Partida para um dia inteiro no Antelope Park com almoço. Os extras opcionais incluem canoagem, safáris, passeios a cavalo, safaris, interação com elefantes, cruzeiros de observação de pássaros dentre outros (consulte para lista de preços).
16h30 - Chá da tarde no vagão de observação. Partida para Bulawayo.
19h00 - Jantar servido no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

Situado em mais de 3.000 acres de pastagens abertas de savana, o Antelope Park é uma reserva de caça única e um refúgio de tranquilidade recebendo hóspedes e ecoturistas voluntários. É o lar do mundialmente famoso Leão Africano e Programa de reabilitação de leões do Environmental Research Trust (ALERT), que é um programa multifásico de conservação de leões. É o primeiro programa genuíno da África trabalhando para reintroduzir eticamente a prole de animais criados em cativeiro, para se ter leões africanos de volta à natureza.

10º DIA: MATOBO NATIONAL PARK

07h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
09h00 - Excursão de dia inteiro ao Parque Nacional Matobo com almoço. Visite o túmulo de Cecil John Rhodes, bem como cavernas bosquímanos com arte rupestre.
16h30 - Chá da tarde no vagão de observação. Partida para Kennedy.
19h30 - O jantar será servido nos vagões-restaurantes. Vestimenta: formal.

Matobo (ou Matopos), que significa “cabeças carecas”, foi o nome escolhido para a área pelo rei Ndebele, Mzilikazi. Ele está enterrado nas colinas de Matobo, a uma curta distância do parque. É uma descrição adequada das dramáticas colinas e rochas graníticas desta área. O parque também é o local do túmulo de Cecil John Rhodes no cume do Malindidzimu - 'monte de espíritos benevolentes'. Ele se referiu a esta colina como tendo uma visão do mundo. Sua sepultura é esculpido em granito sólido e cercado por um anfiteatro natural de pedras. A visita pode ser feita a uma das cavernas de bosquímanos mais acessíveis, muitas das quais escondidas entre as colinas. Matobo é um Patrimônio Mundial da UNESCO.

11º DIA: HWANGE NATIONAL PARK

05h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
06h30 - Dia inteiro de observação de animais selvagens no Parque Nacional de Hwange com almoço tipo lunch box.
16h30 - O chá da tarde será no vagão restaurante.
19h30 - O jantar é servido nos vagões-restaurante. Partida para Thompson's Junction. Vestimenta: Tema “1920” ou Smart Casual.

12º DIA: VICTORIA FALLS

07h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante até as 09h30.
10h00 - Chegada à Estação Victoria Falls. Faça o check-out do trem e caminhe até o Victoria Falls Hotel (a bagagem pode ser guardada no trem).
11h00 - Encontro para um passeio a pé pela vila e pelas cataratas com almoço.
16h00 - Encontro no hotel para um cruzeiro ao pôr do sol no rio Zambeze.
18h30 - Transfer de volta para Victoria Falls Hotel. Fim da viagem.

A pequena estação de Victoria Falls foi alcançada pela primeira vez por trem em junho de 1904. Antigos edifícios coloniais, buganvílias e palmeiras contra o pano de fundo do Victoria Falls Hotel formam um encantador oásis de doçura suave após a secura agreste da paisagem. A Victoria Falls é uma das grandes revelações da natureza a par do Grand Canyon, Monte Everest e um vulcão em erupção. Acredita-se que tenham existido nada menos que sete diferentes Cataratas Vitória nos últimos dois milhões de anos. Estas cascatas correspondem aos desfiladeiros mais baixos do Zambeze. As quedas atuais estão se desgastando da Catarata do Diabo para o norte, erodindo o material mais macio por trás da atual base de basalto das quedas. Quando finalmente toda a matéria mole tiver sido removida, as Cataratas Vitória retornarão, um novo desfiladeiro se abrirá e onde estão as cataratas agora se tornará um novo local para os turistas. Embora apenas com mais de uma milha de comprimento (1,7 km), as cataratas são divididas por várias pequenas ilhas, incluindo a Ilha Livingstone. Na sua mais profundas, as quedas têm 108m de profundidade em Rainbow Falls.

DATA DE SAÍDA DE PRETÓRIA EM 2024

 

Janeiro 04
Março 07
Abril 04
Junho 06
Setembro 05
Novembro 01

 

PREÇOS POR PESSOA EM USD

A partir de USD 7.640 (valor total do pacote por pessoa em cabine Pullman Dupla)

A partir de USD 10.920 (valor total do pacote por pessoa em cabine Pullman Single)

 

A partir de USD 10.520 (valor total do pacote por pessoa em cabine  Deluxe Suíte Dupla)

A partir de USD 15.045 (valor total do pacote por pessoa em cabine  Deluxe Suítes Single)

 

Consulte para valor de acomodação em cabine Royal Suíte.

Preços e disponibilidade podem sofrer alterações sem aviso prévio, principalmente devido a variação cambial da moeda sul-africana.

REFEIÇÕES A BORDO (salvo ajuste):
Café da manhã 07:00-10:00 • Almoço 13:00 • Chá da tarde 16:30 • Jantar 19:30.

 

Por favor, vista-se adequadamente para excursões/safáris: as manhãs podem ser frias e depois esquentar consideravelmente; as tardes podem ser quentes depois esfrie consideravelmente. Roupas quentes, sapatos confortáveis, chapéus e proteção solar são aconselhados. Capas de chuva estarão disponíveis.

As excursões podem ser alteradas de acordo com o cronograma na data da operação. Os horários são aproximados e não podem ser garantidos.

 

Esta jornada panorâmica segue de Pretória à Cape Town e inclui um itinerário para aqueles viajantes que querem jogar golfe e aos viajantes que não querem jogar golfe. O roteiro acima se trata da opção para aqueles que viajam sem a opção de golfe.

 

Depois de um safári no Kruger Park*, os visitantes viajam por eSwatini até Hluhluwe para observar os animais selvagens e ao longo da costa até Durban* para um passeio pela cidade.

 

Atravesse o Valley of a Thousand Hills até o Spionkop Lodge*, a base perfeita para explorar as montanhas, arbustos, pássaros e campos de batalha da região. Continue para Port Elizabeth* para um passeio de carro no Addo Elephant Park e depois para o paraíso natural de Knysna para pernoite em Fancourt*. ~ Traslado pelas Montanhas Outeniqua até as impressionantes Cavernas Cango e uma fazenda de avestruzes para uma visita.

 

Atravesse o Karoo e as espetaculares vinícolas e montanhas do Cabo antes que esta magnífica expedição termine em Cape Town. Disponível ao inverso.

 

*Cursos dependentes de disponibilidade e direção.

 

~ Partes da linha férrea entre Port Elizabeth e a Cidade do Cabo foram tristemente danificadas e arrastadas devido a incêndios e inundações. Os reparos estão em andamento com conclusão estimada a ser confirmada. Alteramos a rota entre Port Elizabeth e Cape Town, mas mantivemos confortavelmente as excursões e os pontos de partida/chegada.

 

O Trem possui vagões de acomodação, vagões-restaurante (±42 assentos), vagão lounge (±26 assentos), pequena loja de presentes, sala para fumantes (±11 assentos) e vagão de observação (±32 assentos) com varanda ao ar livre.

 

Mantendo o espírito de outrora, não há rádios nem televisores a bordo. Os três tipos de suítes disponíveis – Pullman (7m²), Deluxe (10m²) e Royal (16m²) – oferecem aos passageiros privacidade e conforto com camas de casal ou twin e equipamentos e instalações de alto padrão.

 

Todos têm suítes com chuveiro, vaso sanitário, lavatório e banheira (somente na Royal), utensílios para chá, cofre, ar-condicionado, roupa de cama e amenidades e são limpos diariamente. Há armazenamento adequado e pequenos armários com cabides e prateleiras.

 

 

CABINE PULLMANN

– Cabine com 7 m2
– Banheiro completo privativo (vaso sanitário, chuveiro e pia)
– Uma cama de casal (189 cm x 150 cm) ou duas camas twin (cama inferior com 189 cm x 90 cm e cama superior – 189 cm x 60)
– Minibar e cofre na cabine
– Ar condicionado individual
– Espaço para a bagagem

 


 

DELUXE SUITE

– Cabine com 10 m2
– Banheiro completo privativo (vaso sanitário, chuveiro e pia)
– Uma cama de casal (189 cm x 189 cm) ou duas camas twin (189 cm x 94 cm)
– Minibar e cofre na cabine
– Ar condicionado individual
– Espaço para a bagagem

 


 

ROYAL SUITE

– Cabine com 16 m2
– Banheiro completo privativo (vaso sanitário, chuveiro e pia)
– Uma cama de casal (189 cm x 189 cm) ou duas camas twin (189 cm x 94 cm)
– Minibar e cofre na cabine
– Ar condicionado individual
– Espaço para a bagagem

  • Acomodação em cabine privada a bordo do Trem;
  • Todas as refeições; todas as bebidas a bordo; serviço de quarto; lavanderia limitada;
  • Passeios com guia qualificado conforme roteiro;
  • Visita das cidades de Durban;
  • Safáris nas Reservas Kapama e Hwange;
  • Safari no Parque Nacional Kruger e na Reserva Addo;
  • Visita de Mantenga Cultural Village e Grande Monumento de Zimbábue;
  • Visita do Antílope Park, Matobo National Park e Cataratas Vitória;
  • Taxas de entrada de acordo com o itinerário.

1º DIA: PRETÓRIA

Faça o check-in no mínimo uma hora antes da partida. Se desejar visitar o nosso museu ou fazer uma visita guiada na Estação Ferroviária de Rovos Rail, sugerimos chegar duas horas antes da partida.

10h00 - Partida da Estação Ferroviária de Rovos Rail, em Pretória. Os hóspedes podem se refrescar em suas suítes antes de se juntar a outros viajantes nos vagões lounge. O trem viaja na linha leste em direção à dura área de mineração de carvão de eMalahleni e Middelburg, conhecida como a “capital do aço inoxidável da África”. A construtora ferroviária holandesa, NZASM, construiu
a linha oriental entre Pretória e Lourenço Marques (Maputo) de 1893 a 1895.
13h00 - O almoço será servido nos vagões-restaurante.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão de observação.
19h30 - Jantar servido no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

Certifique-se de que o gerente do trem ou o responsável pela administração estejam de posse do seu passaporte. O documento será devolvido para você antes do final da viagem.

2º DIA: ROTA PANORÂMA

07h00 - O café da manhã será servido nos vagões-restaurante.
09h00 - Excursão de dia inteiro pelas áreas históricas Pilgrim's Rest, Bourke's Luck Potholes e Graskop com almoço. O Graskop, elevador de observação (a pagar no local) desce 51m pela face do desfiladeiro até a floresta abaixo, onde passarelas de madeira e pontes suspensas serpenteiam ao longo de uma trilha de 600 m pela floresta indígena com uma exposição interativa.
18h45 - Regresso ao trem em Mbombela (140km). Partida para Malelane.
19h30 - O jantar será servido no vagão restaurante a bordo do trem. Vestimenta: formal.

Pilgrim's Rest é um museu vivo e declarado Monumento Nacional. O ouro foi descoberto nesta área em 1873 atraindo 1500 garimpeiros. Hoje, muitas das casas restauradas dos mineiros servem como lojas e restaurantes. Os Luck Potholes de Bourke são estranhas cavidades cilíndricas profundas formadas pela erosão do rio e enchentes. Rio Blyde Canyon Nature Reserve tem os pontos de vista mais espetaculares com vista para Lowveld da África do Sul, assim chamado porque é muito mais baixo do que a alta escarpa ao longo da qual corre a Rota do Panorama.

3º DIA: KRUGER NATIONAL PARK

05h00 - O café da manhã será servido nos vagões-restaurante.
07h00 - Safari no Parque Nacional Kruger com almoço.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão lounge e no vagão observatório. Partida para Maputo, Moçambique. Formalidades de fronteira.
19h30 - Jantar a bordo servido no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

O famoso Kruger Park (2 milhões de hectares) é líder mundial em técnicas avançadas de gestão ambiental e lar de um número impressionante de espécies, por ex. 336 espécies de árvores, 49 espécies de peixes, 34 espécies de anfíbios, 114 espécies de répteis, 507 espécies de aves e 147 espécies de mamíferos, incluindo os Big Five (leopardo, leão, elefante, búfalo e rinoceronte).

4º DIA: MAPUTO (MOÇAMBIQUE)

07h00 - Café da manhã será servido no vagão restaurante.
09h00 - City tour de Maputo, Moçambique, com almoço.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão de observação. Viagem em direção à Mpaka, eSwatini. Formalidades de fronteira.
19h30 - Jantar servido no vagão restaurante e pernoite. Vestimenta: formal.

Capital de Moçambique, Maputo é uma cidade de contrastes que oferece uma excitante mistura de culturas. Sua arquitetura é uma mistura de tradições africanas, portuguesas e do início do período colonial com antigas igrejas católicas lado a lado com mesquitas, fortalezas, mansões vitorianas e outros edifícios de uma época passada.

5º DIA: ESWATINI

07h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
08h30 - Desembarque em Mpaka. Traslado (±90 min) para Swazi Candles e visita à Mantenga Cultural Village com almoço em Pousada Mantenga.
13h45 - Retorno ao trem (±75 min). Partida para Hoedspruit. Formalidades de fronteira.
16h30 - Chá da tarde no vagão de observação.
19h30 - Jantar servido no vagão restaurante. Vestimenta: Formal.

O minúsculo Reino de eSwatini (Suazilândia) cobre apenas 17 000 km2, a maioria dos quais montanhosos. Para tal pequeno país, é surpreendente que sustente duas capitais: Mbabane é a capital administrativa e Lobamba é a capital real e legislativa. Em abril de 2018, a Suazilândia mudou seu nome para Reino da eSwatini (que significa “lugar do Swazi”) e é uma monarquia absoluta. É sem litoral e faz fronteira com a África do Sul e Moçambique. Continue pelo Vale Ezulwini até Swazi Candles, onde os hóspedes são convidados a interagir com os artesãos enquanto eles fazem uma variedade de velas. Esculturas em madeira, tecidos coloridos e cestaria soberba estarão também em exibição. Mantenga Cultural Village, um museu vivo de antigas tradições representando um Swazi clássico estilo de vida durante o século XIX. Com os artefatos tradicionais expostos, a aldeia ilustra muitas facetas do antigo estilo de vida Swazi: social, econômico e religioso. Mantenga Lodge está situado nas montanhas com vista para 'Execution Rock'.

6º DIA: KAPAMA RESERVE & CENTRO DE ESPÉCIES AMEAÇADAS DE HOEDSPRUIT

05h00 - Café da manhã continental servido no vagão restaurante até as 05h30.
05h30 - Safari no Kapama Game Reserve seguido de visita ao Centro de Espécies Ameaçadas de Hoedspruit.
12h00 - Retorno ao trem para almoço. Partida para Tzaneen e Louis Trichardt.
16h30 - Chá da tarde servido no vagão de observação.
19h30 - Jantar e pernoite. Vestimenta: formal.

Situado na província de Limpopo, no extremo norte da África do Sul, conhecida por sua vida selvagem prolífica e diversificada, o Kapama Private Game Reserve é o lar de mais de 40 espécies diferentes de mamíferos, incluindo os Big Five, aproximadamente 350 espécies de aves e uma miríade de espécies menores. O Hoedspruit Endangered Species Center é uma instalação única da vida selvagem africana com foco na conservação e sustentabilidade de espécies raras, vulneráveis e ameaçadas. Fundado por paixão, o centro adotou uma abordagem holística para suas atividades de conservação, como a educação das comunidades vizinhas, turismo, criação, reabilitação e combate à caça furtiva, para citar alguns.

7º DIA: LIMPOPO

07h00 - O café da manhã será servido nos vagões-restaurante até às 10:00h. Dia a bordo em viagem rumo à Rutenga em Zimbábue.
13h00 - O almoço será servido nos vagões-restaurante.
16h30 - Chá da tarde no vagão lounge e vagão de observação na frente do trem.
19h30 - O jantar é servido nos vagões-restaurante. Vestimenta: Formal.

A província de Limpopo está localizada no extremo norte da África do Sul e faz fronteira com três países vizinhos: Botswana, Zimbabwe e Moçambique. Por esta razão, a província também é conhecida como a porta de entrada para outros países africanos e também compartilha fronteiras provinciais com Gauteng, Mpumalanga e Northwest. A paisagem de Limpopo varia de uma área para outra, desde florestas tropicais, mato e arbustos até semi-deserto com pequenas árvores e arbustos e montanhas para terrenos planos. Limpopo está dividido em cinco regiões, estrategicamente localizado de acordo com os habitantes culturais. Capricórnio é a região central predominantemente ocupada pelo Povo Bapedi. Waterberg é a maior região com a maioria do povo Tswana. Vhembe no extremo norte é dominado por Vhavenda e Vatsonga. A região de Mopani perto do Parque Kruger é Vatsonga enquanto a região de Sekhukhuni é dominada por Bapedi e Ndebele. Limpopo é a única província da África do Sul com mais do que dois grupos culturais permanecendo juntos em seu habitat original em harmonia. Outros grupos étnicos incluem ingleses e africâneres.

8º DIA: GRANDE MONUMENTO DE ZIMBÁBUE

06h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
08h00 - Transfer ao Grande Monumento de Zimbábue para um passeio com almoço.
17h00 - Embarque de volta ao trem em Oreti Siding. Partida para Gweru.
19h30 - Jantar no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

Viaje pela atraente região montanhosa de granito até o Monumento do Grande Zimbábue, um monumento extremamente impressionante situado na borda sudeste do planalto central e o maior monumento pré-colonial ao sul das Pirâmides egípcias. Uma conquista célebre do povo africano e um lugar onde as fábulas mágicas como a história das Minas do Rei Salomão encontra suas origens entre as ruínas de uma antiga cidade construída pelos Rozwi. Descubra como esses povos antigos viviam e extraíam ouro e prata, que acabaram sendo retirados da África por comerciantes árabes e portugueses.

9º DIA: PARQUE ANTÍLOPE

06h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
08h00 - Partida para um dia inteiro no Antelope Park com almoço. Os extras opcionais incluem canoagem, safáris, passeios a cavalo, safaris, interação com elefantes, cruzeiros de observação de pássaros dentre outros (consulte para lista de preços).
16h30 - Chá da tarde no vagão de observação. Partida para Bulawayo.
19h00 - Jantar servido no vagão restaurante. Vestimenta: formal.

Situado em mais de 3.000 acres de pastagens abertas de savana, o Antelope Park é uma reserva de caça única e um refúgio de tranquilidade recebendo hóspedes e ecoturistas voluntários. É o lar do mundialmente famoso Leão Africano e Programa de reabilitação de leões do Environmental Research Trust (ALERT), que é um programa multifásico de conservação de leões. É o primeiro programa genuíno da África trabalhando para reintroduzir eticamente a prole de animais criados em cativeiro, para se ter leões africanos de volta à natureza.

10º DIA: MATOBO NATIONAL PARK

07h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
09h00 - Excursão de dia inteiro ao Parque Nacional Matobo com almoço. Visite o túmulo de Cecil John Rhodes, bem como cavernas bosquímanos com arte rupestre.
16h30 - Chá da tarde no vagão de observação. Partida para Kennedy.
19h30 - O jantar será servido nos vagões-restaurantes. Vestimenta: formal.

Matobo (ou Matopos), que significa “cabeças carecas”, foi o nome escolhido para a área pelo rei Ndebele, Mzilikazi. Ele está enterrado nas colinas de Matobo, a uma curta distância do parque. É uma descrição adequada das dramáticas colinas e rochas graníticas desta área. O parque também é o local do túmulo de Cecil John Rhodes no cume do Malindidzimu - 'monte de espíritos benevolentes'. Ele se referiu a esta colina como tendo uma visão do mundo. Sua sepultura é esculpido em granito sólido e cercado por um anfiteatro natural de pedras. A visita pode ser feita a uma das cavernas de bosquímanos mais acessíveis, muitas das quais escondidas entre as colinas. Matobo é um Patrimônio Mundial da UNESCO.

11º DIA: HWANGE NATIONAL PARK

05h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante.
06h30 - Dia inteiro de observação de animais selvagens no Parque Nacional de Hwange com almoço tipo lunch box.
16h30 - O chá da tarde será no vagão restaurante.
19h30 - O jantar é servido nos vagões-restaurante. Partida para Thompson's Junction. Vestimenta: Tema “1920” ou Smart Casual.

12º DIA: VICTORIA FALLS

07h00 - Café da manhã servido no vagão restaurante até as 09h30.
10h00 - Chegada à Estação Victoria Falls. Faça o check-out do trem e caminhe até o Victoria Falls Hotel (a bagagem pode ser guardada no trem).
11h00 - Encontro para um passeio a pé pela vila e pelas cataratas com almoço.
16h00 - Encontro no hotel para um cruzeiro ao pôr do sol no rio Zambeze.
18h30 - Transfer de volta para Victoria Falls Hotel. Fim da viagem.

A pequena estação de Victoria Falls foi alcançada pela primeira vez por trem em junho de 1904. Antigos edifícios coloniais, buganvílias e palmeiras contra o pano de fundo do Victoria Falls Hotel formam um encantador oásis de doçura suave após a secura agreste da paisagem. A Victoria Falls é uma das grandes revelações da natureza a par do Grand Canyon, Monte Everest e um vulcão em erupção. Acredita-se que tenham existido nada menos que sete diferentes Cataratas Vitória nos últimos dois milhões de anos. Estas cascatas correspondem aos desfiladeiros mais baixos do Zambeze. As quedas atuais estão se desgastando da Catarata do Diabo para o norte, erodindo o material mais macio por trás da atual base de basalto das quedas. Quando finalmente toda a matéria mole tiver sido removida, as Cataratas Vitória retornarão, um novo desfiladeiro se abrirá e onde estão as cataratas agora se tornará um novo local para os turistas. Embora apenas com mais de uma milha de comprimento (1,7 km), as cataratas são divididas por várias pequenas ilhas, incluindo a Ilha Livingstone. Na sua mais profundas, as quedas têm 108m de profundidade em Rainbow Falls.

DATA DE SAÍDA DE PRETÓRIA EM 2024

 

Janeiro 04
Março 07
Abril 04
Junho 06
Setembro 05
Novembro 01

 

PREÇOS POR PESSOA EM USD

A partir de USD 7.640 (valor total do pacote por pessoa em cabine Pullman Dupla)

A partir de USD 10.920 (valor total do pacote por pessoa em cabine Pullman Single)

 

A partir de USD 10.520 (valor total do pacote por pessoa em cabine  Deluxe Suíte Dupla)

A partir de USD 15.045 (valor total do pacote por pessoa em cabine  Deluxe Suítes Single)

 

Consulte para valor de acomodação em cabine Royal Suíte.

Preços e disponibilidade podem sofrer alterações sem aviso prévio, principalmente devido a variação cambial da moeda sul-africana.

REFEIÇÕES A BORDO (salvo ajuste):
Café da manhã 07:00-10:00 • Almoço 13:00 • Chá da tarde 16:30 • Jantar 19:30.

 

Por favor, vista-se adequadamente para excursões/safáris: as manhãs podem ser frias e depois esquentar consideravelmente; as tardes podem ser quentes depois esfrie consideravelmente. Roupas quentes, sapatos confortáveis, chapéus e proteção solar são aconselhados. Capas de chuva estarão disponíveis.

As excursões podem ser alteradas de acordo com o cronograma na data da operação. Os horários são aproximados e não podem ser garantidos.

 

Esta jornada panorâmica segue de Pretória à Cape Town e inclui um itinerário para aqueles viajantes que querem jogar golfe e aos viajantes que não querem jogar golfe. O roteiro acima se trata da opção para aqueles que viajam sem a opção de golfe.

 

Depois de um safári no Kruger Park*, os visitantes viajam por eSwatini até Hluhluwe para observar os animais selvagens e ao longo da costa até Durban* para um passeio pela cidade.

 

Atravesse o Valley of a Thousand Hills até o Spionkop Lodge*, a base perfeita para explorar as montanhas, arbustos, pássaros e campos de batalha da região. Continue para Port Elizabeth* para um passeio de carro no Addo Elephant Park e depois para o paraíso natural de Knysna para pernoite em Fancourt*. ~ Traslado pelas Montanhas Outeniqua até as impressionantes Cavernas Cango e uma fazenda de avestruzes para uma visita.

 

Atravesse o Karoo e as espetaculares vinícolas e montanhas do Cabo antes que esta magnífica expedição termine em Cape Town. Disponível ao inverso.

 

*Cursos dependentes de disponibilidade e direção.

 

~ Partes da linha férrea entre Port Elizabeth e a Cidade do Cabo foram tristemente danificadas e arrastadas devido a incêndios e inundações. Os reparos estão em andamento com conclusão estimada a ser confirmada. Alteramos a rota entre Port Elizabeth e Cape Town, mas mantivemos confortavelmente as excursões e os pontos de partida/chegada.

 

O Trem possui vagões de acomodação, vagões-restaurante (±42 assentos), vagão lounge (±26 assentos), pequena loja de presentes, sala para fumantes (±11 assentos) e vagão de observação (±32 assentos) com varanda ao ar livre.

 

Mantendo o espírito de outrora, não há rádios nem televisores a bordo. Os três tipos de suítes disponíveis – Pullman (7m²), Deluxe (10m²) e Royal (16m²) – oferecem aos passageiros privacidade e conforto com camas de casal ou twin e equipamentos e instalações de alto padrão.

 

Todos têm suítes com chuveiro, vaso sanitário, lavatório e banheira (somente na Royal), utensílios para chá, cofre, ar-condicionado, roupa de cama e amenidades e são limpos diariamente. Há armazenamento adequado e pequenos armários com cabides e prateleiras.

 

 

CABINE PULLMANN

– Cabine com 7 m2
– Banheiro completo privativo (vaso sanitário, chuveiro e pia)
– Uma cama de casal (189 cm x 150 cm) ou duas camas twin (cama inferior com 189 cm x 90 cm e cama superior – 189 cm x 60)
– Minibar e cofre na cabine
– Ar condicionado individual
– Espaço para a bagagem

 


 

DELUXE SUITE

– Cabine com 10 m2
– Banheiro completo privativo (vaso sanitário, chuveiro e pia)
– Uma cama de casal (189 cm x 189 cm) ou duas camas twin (189 cm x 94 cm)
– Minibar e cofre na cabine
– Ar condicionado individual
– Espaço para a bagagem

 


 

ROYAL SUITE

– Cabine com 16 m2
– Banheiro completo privativo (vaso sanitário, chuveiro e pia)
– Uma cama de casal (189 cm x 189 cm) ou duas camas twin (189 cm x 94 cm)
– Minibar e cofre na cabine
– Ar condicionado individual
– Espaço para a bagagem

PESQUISAR OUTRO PACOTE DE VIAGEM

a partir de

R$ 12.331

+ 9x de R$ 3.197

por pessoa em acomodação dupla de acordo com o câmbio do dia (cabine dupla Pullman)

Solicite uma cotação sem compromisso

    Deseja receber a cotação da passagem aérea?

    SimNão

    Download do pacote em PDF

    PESQUISAR OUTRO PACOTE DE VIAGEM